Saiba como é trabalhar como comissária de bordo durante charters em grandes iates

0
732
Arquivo Pessoal

Após fazer o curso de hospitalidade para iates, no Rio, há pouco mais de um ano, Marcela Rocha embarcou para, enfim, realizar um antigo sonho: trabalhar a bordo de um grande barco. “Eu já tinha vivenciado o trabalho como ‘stewardess’ em iates, em algumas experiências que tive na alta temporada, em Miami, nos Estados Unidos, mas, agora, é diferente, porque eu tenho uma oportunidade fixa em um Benetti 115”, conta Marcela, acrescentando que sua casa e, também, o “escritório” são o próprio barco. “Eu vivo no meu escritório, e meu escritório é minha casa”, brinca ela. Stewardess (para mulheres) ou steward (para homens) é o termo usado para designar o profissional responsável por oferecer ao hóspede um pacote de “hospitalidade náutica”, que vai da arrumação interior ao serviço de alimentos e bebidas, da decoração de ambientes à preparação de eventos, entre outras atividades — é, mais ou menos, como um comissário de bordo.

A história completa de como é trabalhar como comissária de bordo durante charters em grandes iates está na edição do mês de NÁUTICA, nas principais bancas e livrarias do país.