Volvo Penta busca novos mercados latino-americanos em 2017

0
2905

 

“Foi um ano desafiador e de economia restritiva, mas com vários negócios. E ainda conseguimos expandir um pouco mais nossa operação fora do Brasil”, afirma Gabriel Barsalini, presidente da Volvo Penta South America. Em 2016, a Volvo Penta iniciou as atividades de seu novo distribuidor no Equador e espera para este ano alcançar mais dois novos mercados latino-americanos – a Bolívia e o Paraguai, países com grande potencial para motores industriais e náuticos. “Estamos aos poucos aumentando nossa malha de distribuição no continente”, diz o presidente.

No Brasil, ainda o principal e maior mercado da marca na América do Sul, a Volvo Penta manteve o patamar que tem atualmente no segmento náutico de lazer, com destaque para o desempenho na área de motores de lazer a diesel, principalmente para embarcações acima de 40 pés, equipadas com a consagrada tecnologia IPS (Inboard Performance System), o revolucionário sistema de propulsão da Volvo Penta. No ano passado, a empresa lançou o D8, motor a diesel voltado para o segmento de lazer, preenchendo uma lacuna em sua oferta e atendendo uma área que necessitava de um produto deste porte.

A empresa também comercializa no Brasil e na região hispânica outros modelos de motores para propulsão náutica a gasolina, de 200hp a 430hp e o motor diesel de 13 litros que pode chegar a 480hp com IPS quadruplo.

Além da estratégia de fortalecer sua atuação na América Latina, a divisão de motores marítimos da Volvo vem reforçando a distribuição de seus produtos dentro do Brasil. Recentemente, a Volvo Penta fortaleceu sua operação no Norte do país, onde seus motores vêm sendo cada vez mais procurados no setor fluvial, feito por barcaças e muito importante naquela região para o transporte de grãos e de cargas em geral. Outra importante ação da empresa foi a reestruturação de sua rede de distribuidores. “Estamos crescendo em quantidade e em qualidade”, conclui Barsalini.

SÃO PAULO BOAT SHOW 2020