Atletas da vela catarinense estreiam no Pan após dois dias de espera

0
322
Foto: Gabriel Heusi

Após dois dias sem regatas e muita espera, finalmente ocorreu a estreia das classes Laser Standard e Sunfish nos Jogos Pan-Americano de Lima. Com isso, os velejadores do Iate Clube de Santa Catarina, Bruno Fontes e Matheus Dellagnelo, competiram pela primeira vez na raia de Paracas, local das disputas da vela. Com condições de vento inconstante a dupla superou bem o primeiro dia e ambos estão na zona da medalha, com Matheus em segundo no Sunfish e Bruno em quarto no Laser Standard.

Campeão Pan-Americano em Guadalajara (2011), Matheus teve uma boa estreia em Paracas conquistando um quarto lugar na primeira regata do dia e um segundo lugar na sequencia. Com seis pontos perdidos o catarinense está na vice-liderança com o mesmo número de pontos do líder Jonathan Martinetti, do Equador.

“A primeira regata foi com vento muito fraco e mesmo assim consegui velejar bem, mas chegou um momento que o vento parou e ficou muito díficil. Ainda consegui me manter em quarto o que foi bom. Na segunda já tinha um vento médio e eu fiquei brigando pela liderança até o final. Foi uma estreia positiva”, avalia Matheus.

LEIA TAMBÉM
>>Confira em primeira mão a nova Real 600 que estará no Boat Show
>>Incêndio atinge barcos em vagas molhadas na Marina Piratas, em Angra
>>Atleta de motosurf conquista para mais um troféu para o Brasil 

Bruno Fontes também teve um dia bom e após as duas regatas disputadas nesta segunda-feira aparece na quarta posição, empatado com o terceiro colocado Andrew Lewis, com 14 pontos perdidos. A liderança é do americano Charles Buckingham.

“Começamos o Pan com um dia mediano e difícil. Na primeira regata larguei mal, mas consegui recuperar velejando bem. Na segunda larguei melhor, mas tive um problema durante a regata que acabou me deixando muito para trás. Bom que ainda deu para buscar boas posições”, ressalta Bruno.

As previsões indicam que ventos mais fortes chegarão a Paracas nesta terça-feira, com até três regatas podendo ser realizadas devido ao atraso do cronograma.

Classificação das classes com velejadores catarinenses no Pan:

Sunfish:
1º Jonathan Martinetti (EQU) – 6 pp
2º Matheus Dellagnelo (BRA) – 6pp
3º Renzo Sanguineti (PER) – 6pp
4º Luke Ramsay (CAN) – 8pp
5º Simon Gomez (COL) – 9pp
6º Conner Blouin (EUA) – 9pp
7º Diego González (CHI) – 12pp
8º Héctor Guzman (MEX) – 17pp
9º Martin Alsogaray (ARG) – 18pp
10º David Hernandez (GUA) – 20pp

Laser Standard:
1º Charles Buckingham (EUA) – 3pp
2º Juan Maegli (GUA) – 4pp
3º Andrew Lewis (TTO) – 14pp
4º Bruno Fontes (BRA) – 14pp
5º Enrique Arathoon (ELS) – 15pp
6º Robert Davis (CAN) – 15pp
7º Stefano Peschiera (PER) – 16pp
8ºJuan Bisio (ARG) – 16pp
9º Ignacio Rodriguez (URU) – 17pp
10º Jose Gutierrez (VEN) – 19pp

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A nova edição já está disponível nas bancas, no nosso app e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

 

Para compartilhar esse conteúdo, por favor use o link da reportagem ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos de NÁUTICA estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem nossa autorização (redacao@nautica.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que NÁUTICA faz na qualidade de seu jornalismo.