Scheidt conquista o vice-campeonato na primeira prova do ano olímpico, nas Ilhas Canárias

0
544
Foto: RCN Arrecife

Robert Scheidt começa 2021 da mesma forma que terminou 2020: no pódio. Na primeira competição do ano da Olimpíada de Tóquio, o velejador brasileiro conquistou o vice-campeonato no Lanzarote Winter Series. A competição terminou nesta quinta-feira (28), na raia montada no litoral do arquipélago das Ilhas Canárias, na Espanha. O resultado comprova a boa forma do bicampeão olímpico de 47 anos. Em dezembro do ano passado, em Vilamoura, ele foi o terceiro colocado na classe Laser do 3rd Portugal Grand Prix – round 1.

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

A competição da classe Laser do Lanzarote Winter Series contou 31 participantes e com dez regatas, em três dias. Scheidt venceu duas e ainda teve dois segundos lugares e um terceiro entre os seus melhores resultados. Construiu uma média com 58 pontos perdidos. O campeão, o francês Jean Baptist Bernaz, fechou a competição com 45 pontos perdidos. O terceiro lugar foi do italiano Giovanni Coccoluto, com 64pp.

Leia mais:

>> Novo túnel subaquático que liga Ilhas Faroé conta com estrutura colorida atrativa. Veja

>> Robert Scheidt encerra o período de preparação de 2020 em Portugal

>> Novas marinas e incentivo ao turismo náutico: conversamos com Fausto Franco, secretário de Turismo da Bahia

“O campeonato teve um bom nível técnico, com vários velejadores estrangeiros na raia. Foi um período ótimo de treinos e aproveitei bastante a oportunidade, já que tivemos boas condições de velejada, com clima quente em relação ao inverno europeu, e isso acaba sendo um paraíso. Agora é seguir em frente na preparação para os Jogos de Tóquio”, comentou o bicampeão e maior medalhista olímpico do Brasil, com cinco pódios.

Evino