Maior réplica do Titanic usando blocos de montar conta com 56 mil peças

0
703

Um menino de 10 anos construiu sozinho a maior réplica do Titanic feita com peças de montar do mundo. O navio-réplica é tão grande que parece quase impossível que tenha sido construído por uma criança. Brynjar Karl Bigisson é autista. Hoje com 16 anos, ele conta que levou cerca de 700 horas (o equivalente a um mês ininterrupto de trabalho) para concluir o trabalho.

Foram necessárias 56 mil peças para replicar o mítico Titanic. O resultado final são 8 metros de comprimento e um metro e meio de altura. Brynjar se lembra de brincar com as peças de montar por horas quando tinha apenas 5 anos de idade. “Às vezes eu construía coisas que via, às vezes usava minha própria imaginação”, disse.

Naquela época, ele era obcecado por trens, mas isso mudou quando seu avô Ludvik Ogmundsson o levou para pescar em um barco, o que imediatamente despertou seu interesse e apreço por embarcações. Quando Brynjar tinha 10 anos, ele sabia tudo sobre o Titanic, que naufragou em 1912.

LEIA TAMBÉM
>>Passo a passo: veja a construção de um megaiate de alumínio da MCP Yachts
>>Concessionária Schaefer Yachts inaugura nova loja no litoral paulista
>>Velejador brasileiro é bicampeão Pan-Americano de Sunfish

“Quando viajei com minha mãe para a Legoland, na Dinamarca, vi todos os modelos gigantes de casas, aviões e navios famosos pela primeira vez, e fiquei inspirado a montar meu próprio modelo gigante de algo, no caso, um navio. Com 10 anos comecei a pensar em construir meu próprio modelo LEGO do Titanic”, lembra.

O projeto foi abraçado pela família. Com a ajuda do avô, um engenheiro aposentado, e sua mãe Bjarney, Brynjar começou a construção. Eles reduziram em escala o tamanho do Titanic original e calcularam quantas peças seriam necessárias para criar o modelo.

Através de doações de familiares e amigos, o garoto conseguiu comprar todas as peças necessárias para iniciar seu ambicioso projeto. A réplica de LEGO foi desmontada na Islândia em três grandes peças e depois enviada para os Estados Unidos, onde foi cuidadosamente reconstruída para ser apreciada no museu oficial do Titanic, no Tennessee. A exposição começa em dezembro deste ano.

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A nova edição já está disponível nas bancas, no nosso app e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

 

Para compartilhar esse conteúdo, por favor use o link da reportagem ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos de NÁUTICA estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem nossa autorização (redacao@nautica.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que NÁUTICA faz na qualidade de seu jornalismo.