Raia Manta Gigante avança em estado de risco e está ameaçada de extinção, segundo pesquisadores

0
937

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

Segundo nova avaliação da IUCN, finalizada em novembro de 2019 mas publicada apenas agora, após revisões e checagens técnicas, a Raia Manta Oceânica, também conhecida como Arraia Jamanta ou Raia Manta Gigante (Mobula birostris) avançou em seu estado de risco mundial, passando do status de VU (Vulnerável) ao risco de extinção, para EN, ou seja, efetivamente ameaçada de extinção.

Essa progressão foi prevista em avaliação no ano de 2011, que contou com Guilherme Kodja como um dos avaliadores diretos da espécie, e concretizada na edição de 2019. Em algumas regiões do sudeste asiático, com forte preponderância da Indonésia, populações foram reduzidas entre 70% e 95%. Num dos trechos do relatório analisado pelo coordenador, fica claro o risco da espécie.

Leia também

» Réplica da nau Santa Maria já chegou ao Caribe. O capitão Ludi conta como foi a travessia

» 4ª edição de expedição de canoa havaiana sairá de Arraial D´Ajuda com destino a Niterói

» Incrível barco transparente, conhecido como clearboat, faz sucesso entre turistas no México

Confira a tradução do trecho:

“Embora esparsos, os dados disponíveis sugerem que algumas populações conhecidas de Mantas Oceânicas foram rapidamente aniquiladas por pescarias focadas em seus subprodutos em algumas regiões, e que a extinção local é muito provável de ter ocorrido em locais onde sua ocorrência é histórica.

Globalmente, a redução da população parece estar na faixa de 50% a 79% ao longo de três extensões de geração (87 anos), com uma provável redução da população, nas próximas três extensões de geração (2018-2105), com base nas ameaças atuais e contínuas, seus níveis de exploração, declínios acentuados em populações monitoradas e, ainda, uma redução na área de ocupação tradicionais da espécie.

Nos poucos lugares onde as Raias Mantas são protegidas, o número de indivíduos é estável.”

Avaliadores: Marshall, A., Barreto, R., Carlson, J., Fernando, D., Fordham, S., Francis, M.P., Derrick, D., Herman, K., Jabado, R.W., Liu, K.M., Rigby, C.L. & Romanov, E.

Revisores: Kashiwagi, T. & Dulvy, N.K.

Contribuíram para a avaliação: Marshall, A., Bennett, M.B., Kodja, G., Hinojosa-Alvarez, S., Galvan-Magana, F., Harding, M., Stevens, G. & Kashiwagi, T.

Facilitadores e Verificadores: Rigby, C.L., Kyne, P.M., Pollom, R., Herman, K. & Dulvy, N.K.

Fonte: IUCN Red List

Gostou desse artigo? Clique aqui para receber o nosso serviço de envio de notícias por WhatsApp e leia mais conteúdos.

 

Teste EVOLVE 360 HT – 27/06/2020