Nova marina do Pacífico Sul prevista para 2020 proibirá uso de plásticos

0
344

A nova Nawi Island Marina, com 150 vagas, em Fiji, que deve ser concluída em novembro de 2020, planeja ser uma das primeiras marinas ecologicamente corretas do mundo ao proibir o uso de sacolas plásticas de uso único. A marina e o resort associado também serão alimentados por energia solar renovável.

Planejada como uma instalação de classe mundial, a marina de serviço completo é descrita como uma “marina boutique” por seus proprietários. Ele oferecerá atracação para iates de 10 a 60 metros de comprimento, incluindo monocascos e multicascos. A marina está localizada no Porto de Savusavu e fica a apenas 10 minutos do aeroporto e da cidade de Savusavu.

A marina será equipada com um travel lift de 75 toneladas e oferecerá, ainda, serviços de reparo e manutenção, bomba de esgoto e armazenamento a longo prazo no seco, entre outros. O local é uma parte fundamental de um projeto de resort e incluirá hotel, spa e instalações esportivas. Haverá também um iate clube.

“Não haverá uso de sacolas plásticas em nenhuma das instalações. Nós pretendemos ser uma das primeiras marinas verdes do mundo. Ao fazê-lo, o desenvolvimento na ilha será alimentado por energia solar renovável. Também estamos implantando um sistema de tratamento de efluentes orgânicos para toda a ilha e, além disso, a empresa está usando materiais de construção sustentáveis ​​e orgânicos na ilha”, comentou o diretor administrativo da Nawi Island Ltd, Mike Gann.

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A nova edição já está disponível nas bancas, no nosso app e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

Para compartilhar esse conteúdo, por favor use o link da reportagem ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos de NÁUTICA estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem nossa autorização (redacao@nautica.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que NÁUTICA faz na qualidade de seu jornalismo.