Mergulhador fica quase seis dias embaixo d’água no Egito. Entenda

0
657
Saddam Al-Kilany se exercitando embaixo d'água - Imagem: Divulgação

Siga nosso TWITTER e veja a série Dicas Náuticas diariamente.

Um novo recorde acaba de ser quebrado e deverá entrar para o Guinness Book, o famoso Livro dos Recordes. O mergulhador egípcio Saddam Al-Kilany, de 29 anos, tornou-se o homem que ficou mais tempo embaixo d’água. O feito aconteceu em Dahab, uma pequena cidade na costa sudeste da Península do Sinai.

Para alcançar tal feito, Saddam permaneceu 143 horas submerso no Mar Vermelho, o suficiente para superar o recorde anterior em uma hora. No tempo em que esteve submerso, Saddam Al-Kilany praticou exercícios, fez orações, se alimentou e até praticou pintura subaquática.

Leia também 

>> NÁUTICA transmitirá ao vivo o São Paulo Boat Show 2020 em um moderno estúdio flutuante

>> Já pensou em largar tudo e morar em um barco? Veja a história da família Moon

>> Confira o guia completo de atrações do São Paulo Boat Show 2020

A preparação do mergulhador durou cinco anos. Ele partiu para sua tentativa no dia 5 de novembro, acompanhado do diretor do Centro Médico Hiperbárico do Sul do Sinai, Adel Taher. Todo feito de Saddam foi gravado, e agora está sob análise da equipe do Livro dos Recordes.

Por Gustavo Baldassare sob supervisão da jornalista Maristella Pereira

Gostou desse artigo? Clique aqui para assinar o nosso serviço de envio de notícias por WhatsApp e receba mais conteúdos.

Teste Azimut 62