Membro da família Real da Noruega disputa o Brasileiro ABVO de Veleiros de Oceano em Búzios

0
473
Foto: Divulgação

Nascido na Noruega e radicado no Rio de Janeiro desde os três meses de idade, Haakon Lorentzen seguiu a tradição da família Real da Noruega que é multicampeã da vela. Ele será mais uma atração do Campeonato Brasileiro de Veleiros de Oceano, a Búzios Sailing Week que acontece entre os dias 18 e 21, na Semana Santa, na cidade de Búzios, na Região dos Lagos do estado do Rio de Janeiro.

Haakon é neto do Rei Olav V da Noruega que ocupou o trono norueguês entre a década de 50 até 1991. Olav V foi um dos mais populares reis daquele país e fez sucesso no esporte ao conquistar em 1928 a medalha de Ouro em barco de seis metros nos Jogos Olímpicos de Amsterdã, na Holanda. Tio de Haakon, Harald V é o atual Rei da Noruega e participou de várias Olimpíadas com títulos na Kiel Week e One Ton Cup.

Filho da princesa Ragnhild, Haakon se apaixonou pela vela aos sete anos de idade quando começou a competir de Optmist e se inspirou na família para seguir caminho no esporte como hobbie e vai comandar o barco DUMA na disputa do título na categoria ORC no Brasileiro ABVO em Búzios.

“Meu avô foi Rei Olav V, meu tio é o atual Rei Harald V. Do lado paterno meu avô tinha um veleiro 12 metros clássico e meu pai (Erling) é dono do Saga (vencedor da Fastnet 1973 entre outros). Todos estes me incentivaram e inspiraram a velejar desde os meus sete anos de Optimist. Hoje em dia mantenho sim algum contato com a Noruega. A compra do Duma – Farr 11s Canting Keel (36 pés) foi principalmente para nos divertir com um barco moderno planador, e por ser Canting Keel e sem Backstay bom é fácil de velejar sozinho. No início tínhamos um rating um pouco desajustado e agora após pequeno ajuste recente, melhora das velas e do entrosamento da tripulação nas manobras, ficamos mais competitivos, especialmente em ventos fortes”, aponta Haakon que se diz animado para a Búzios Sailing Week: “Nossa expectativa é nos divertir na melhor raia do Brasil, e se tiver ventos fortes melhor ainda. Nunca deixamos de participar da Búzios Sailing Week”.

LEIA TAMBÉM
>> É lançado edital para turismo de observação de baleias em Santa Catarina
>> Maior projeto solar fotovoltaico flutuante do mundo é ativado na China
>> Conheça as três lanchas que serão apresentadas pela Triton Yachts no Rio Boat Show

Além da presença de membro da família Real Norueguesa, o Brasileiro ABVO – Búzios Sailing Week, terá os medalhistas Olímpicos, Lars Grael e Clínio de Freitas. Lars, Bronze em Atlanta 1996 com Kiko Pelicano e Bronze com Clínio em Seul 1988, vai reeditar a parceria medalhista na Coreia do Sul no barco de Niterói (RJ), o Mahalo, comandado por Ricardo Silveira e Colin Gomm.

O evento vem forte com pelo menos três barcos paulistas, o pentacampeão Rudá, de Santos (SP), Zorro e o Boto V, além de barcos do Espírito Santo, com o +Bravíssimo, do comandando Luciano Secchin e Phanton of the Opera com Renato Avelar. O Rio Grande do Sul virá com pelo menos dois barcos, o Crioula 29 e Loyality 06 de Alexandre Leal.

O Campeonato Brasileiro ABVO – Búzios Sailing Week, ainda tem inscrições abertas nas classes ORC (Offshore Racing Council) e IRC (International Rating Certificate). Elas podem ser feitas através do site da Associação Brasileira de Veleiros de Oceano, a ABVO. Serão até cinco regatas para definir os campeões brasileiros de cada classe.

“Presença de medalhistas Olímpicos, membro da família Real Norueguesa, o Brasileiro ABVO – Búzios Sailing Week está se aproximando e mantendo a tradição como grande palco do evento da vela brasileira. Estamos empolgados para o evento”, destacou o comodoro da Associação Brasileira de Veleiros de Oceano, Adalberto Casaes, comandante do barco Maestrale que recentemente venceu a regata de Aniversário de 99 anos do Iate Clube do Rio de Janeiro.

“A comunidade da Vela Brasileira e até mundial reconhece que Búzios é um local muito especial para a prática do esporte, pois sempre traz bons ventos e mar azul. E por isso realizar o Campeonato Brasileiro onde estarão presentes os principais barcos e tripulações brasileiras é sinônimo que teremos um campeonato de altíssimo nível. Esperamos em torno dos 30 barcos representando os estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, São Paulo, Rio Grande do Sul e talvez Santa Catarina”, destacou Ricardo Baggio, o Kadu, Membro do Comitê Organizador.

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A edição deste mês já está disponível nas bancas, no nosso app
e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones