Velejadores catarinenses disputam regata da medalha em busca do pódio no Pan de Lima

0
442
Foto: Washington Alves

Uma reta final com desempenhos espetaculares marcou as campanhas de Bruno Fontes e Matheus Dellagnelo, atletas do Iate Clube de Santa Catarina, nos Jogos Pan-Americanos de Lima. Realizada em Paracas, as disputas de vela chegaram a fase final e agora os melhores velejadores seguem para as disputas da Medal Race, a regata da medalha. No Sunfish, Matheus assumiu o primeiro lugar na hora certa e agora soma quatro pontos de vantagem sobre o canadense Luke Ramsay. No Laser Standard, Bruno segue em evolução e apenas quatro pontos o separam do líder Juan Maegli, de Guatemala.

No último dia de regatas na fase classificatória, Bruno Fontes manteve a consistência e com um segundo e um quarto lugares manteve a terceira posição na classificação geral e viu a diferença para o guatemalteco ficar em apenas quatro pontos. O segundo colocado é o americano Charlie Buckingham, um ponto à frente de Bruno.

“O primeiro passo foi dado e agora é seguir focado para a disputa da medalha. O nível é alto e os dois velejadores da frente tem muita qualidade, mas eu vou em busca do melhor resultado possível. Objetivo é largar bem e fazer uma regata rápida”, explica Bruno, que compete na Laser Standard.

Matheus Dellagnelo é o novo líder na disputa de Sunfish. Campeão Pan-Americano em 2011, o catarinense cresceu no momento decisivo da competição somando um primeiro e um segundo lugar nesta quinta-feira. Com quatro pontos de diferença para o segundo colocado, o canadense Luke Ramsay, Matheus veleja em busca do bicampeonato.

LEIA TAMBÉM
>>Confira em primeira mão a nova Real 600 que estará no Boat Show
>>Incêndio atinge barcos em vagas molhadas na Marina Piratas, em Angra
>>Atleta de motosurf conquista para mais um troféu para o Brasil 

“Mais um dia muito bom e agora foco na Medal. Vou usar esse dia de intervalo para me concentrar e torcer para o Bruninho trazer essa medalha também. Minha disputa é apenas no sábado, mas vou seguir focado para buscar o melhor resultado possível”, enfatiza Matheus.

A Medal Race, conhecida como regata da medalha, encerra o programa de vela dos Jogos Pan-Americanos. Os onze melhores classificados disputam a decisão com sistema diferente. A pontuação obtida pelo velejador nesta regata vale dobrado e obrigatoriamente entra na pontuação final.

A Medal Race da Laser Standard, classe de Bruno Fontes, acontece nesta sexta-feira, às 14h30, enquanto a Medal Race de Sunfish ocorre no sábado, às 16h, com Matheus Dellagnelo na disputa.

Classificação das classes com velejadores catarinenses no Pan:

Sunfish:

1º Matheus Dellagnelo (BRA) – 21pp
2º Luke Ramsay (CAN) – 25pp
3º Renzo Sanguineti (PER) – 32pp
4º Conner Blouin (EUA) – 43pp
5º David Hernandez (GUA) – 50pp
6º Diego González (CHI) – 52pp
7º Martin Alsogaray (ARG) – 54pp
8º Jonathan Martinetti (EQU) – 57pp
9º Simon Gomez (COL) – 68pp
10º Agustin Lazaro (PUR) – 85pp
10º Héctor Guzman (MEX) – 87pp

Laser Standard:

1º Juan Maegli (GUA) – 24pp
2º Charles Buckingham (EUA) – 27pp
3º Bruno Fontes (BRA) – 28pp
4º Enrique Arathoon (ELS) – 46pp
5º Stefano Peschiera (PER) – 46pp
6º Andrew Lewis (TTO) – 62pp
7º Robert Davis (CAN) – 64pp
8º Yanic Gentry (MEX) – 744pp
9º Clemente Seguel (CHI) – 75pp
10º Ignacio Rodriguez (URU) – 76pp
11º Juan Bisio (ARG) – 76pp

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A nova edição já está disponível nas bancas, no nosso app e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

 

Para compartilhar esse conteúdo, por favor use o link da reportagem ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos de NÁUTICA estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem nossa autorização (redacao@nautica.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que NÁUTICA faz na qualidade de seu jornalismo.