Tecnologia da IBM substituirá capitão no trimarã que vai cruzar o Atlântico

0
1010

A IBM, gigante americana de tecnologia, em parceria com a britânica ProMare, organização de pesquisas marítimas, anunciou que, em setembro de 2020, um dos primeiros barcos totalmente autônomos do mundo, o Mayflower, cruzará o Atlântico Norte sem capitão humano ou tripulação a bordo. Sim, uma embarcação 100% autônoma.

A tecnologia edge computing (conhecida como a próxima etapa da internet das coisas), a Inteligência Artificial (IA) e mais de um milhão de imagens náuticas (além de informações extraídas de centenas de outros navios que fizeram o mesmo caminho) são o núcleo que permitirá ao Mayflower sentir, pensar e agir autonomamente no mar.

A embarcação recebeu o nome de um navio que em 1620 (portanto, há exatos 400 anos) levou cerca de 150 peregrinos da cidade de Plymouth, no Reino Unido, aos Estados Unidos. Agora, o mesmo trajeto de peregrinação do século XVII será realizado por sua versão tecnológica.

Que a Inteligência Artificial está revolucionando o mundo você já sabia. Através dela é possível que máquinas sejam capazes de raciocinar, aprender e relacionar grandes quantidades de informações, tomar decisões e resolver problemas. Mas por essa, de barco sem comandante de carne e osso, talvez você não esperasse, né?

 

Schaefer770