‘Fly Sala’

0
1928

Lanchas de médio porte com flybridge totalmente fechado, em vez de aberto feito um terraço, podem ser uma completa novidade por aqui, mas não na Austrália, de onde veio este barco.

A vantagem, no caso, é que o flybridge vira uma extensão da cabine, e seu acesso passa a ser feito por dentro da sala, como se fosse um segundo piso – de certa forma, é mesmo e abriga um único posto de comando do barco. É perfeito para climas mais frios ou para quem gosta de pilotar com a boa visibilidade que só se tem lá de cima, mas sem o desconforto do vento e da chuva na cara.

De resto, a M48 tem três camarotes, dois banheiros e um ótimo espaço para tomar sol na proa, a fim de compensar o solário, que, neste caso, não existe no flybridge.

Veja mais imagens na galeria abaixo

Fotos: Reprodução.

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.