Estaleiro holandês apresenta barco elétrico de 8 metros em fibra de carbono

0
637

O estaleiro holandês DutchCraft apresentou recentemente uma embarcação totalmente elétrica de fibra de carbono de 8,04 metros. Definido para fazer sua estréia no Boot Dusseldorf, em janeiro de 2020, o DutchCraft 25 foi projetado e fabricado internamente. É o segundo modelo apresentado pelo construtor, após o DutchCraft 56, de 17 metros, que estreou no Festival de Iates de Cannes em setembro.

O design do modelo é focado na flexibilidade e apresenta um design de deck modular. Isso permite que o barco seja usado para uma variedade de usos, como um pescador esportivo ou um barco de mergulho. Móveis e utensílios, incluindo bancos acolchoados, permitem que o barco seja usado como transporte para até 12 passageiros.

Quando o convés é liberado, há espaço suficiente para transportar um veículo terrestre ou dois jets. Há também um módulo de rack personalizado capaz de transportar até oito conjuntos de mergulho, além de armazenamento para dois Seabobs.

A popa se converte em uma plataforma de natação e um design de porta articulada na proa permite que os hóspedes caminhem diretamente para a praia sem se molhar. O modelo é totalmente elétrico e promete um tempo de cruzeiro de 75 minutos a 32 nós ou seis horas a seis nós, de acordo com informações do estaleiro.

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A nova edição já está disponível nas bancas, no nosso app e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

Para compartilhar esse conteúdo, por favor use o link da reportagem ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos de NÁUTICA estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem nossa autorização (redacao@nautica.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que NÁUTICA faz na qualidade de seu jornalismo.