Comemorações

0
2338

As classes de monotipo foram para a raia neste sábado, 12, para festejarem os 81 anos do Veleiros do Sul. O clima extremo marcou a velejada comemorativa, com sol a pino e temperatura alcançando os 36,2°C em Porto Alegre. As largadas estavam marcadas inicialmente para as 14h, mas o vento fraco apareceu somente por volta das 17h cessando a espera. No final da regata, um temporal de vento forte surpreendeu os velejadores ainda em competição. Ao cruzarem a linha de chegada, os velejadores foram premiados pelo Papai Noel do VDS (Mauro Ferreira, coordenador da Escola de Vela Minuano) com medalhas de participação.

Na classe Soling a tripulação do Equilibrium foi a vencedora, enquanto no Snipe, a dupla Gabriel Kieling e Guilherme Fasolo (CDJ) chegaram na frente, assim como Francisco Ruschel e Gabriel Autran na 420. No Hobie Cat 16 a dupla Mario Dubeux e Karilone Bauermann (CDJ) se destacou enquanto Reinaldo Bernardes (VDS) representou o  Hobie Cat 14. A classe Dingue foi representada por Carlos Teixeira e Marcia Teixeira.

Na Classe Laser, Roberto Bortolaso (VDS) foi o destaque na Standard, com Henrique Dias (VDS) na Radial e Guilherme Perez (CDJ) no 4.7. No Optimist, Gabriel Kern (CDJ) foi o vencedor entre os Veteranos e nos Estreantes Viníciua Koeche (CDJ) chegou na frente.

No domingo (13) ocorreu a regata comemorativa dos 81 anos na classe Oceano e Veleiraço Marinha do Brasil para barcos de cruzeiro. A largada ocorreu em frente ao Clube na baia do Cristal, às 14h05min, com 26 barcos das classes: ORC INT, RGS, J/24 e Cruzeiro. A condição de vento foi de intensidade forte, com rajadas de 23 nós no início da regata e depois diminuiu para 12 nós.

O primeiro barco a cruzar a linha de chegada foi o Congere, de Sérgio Neumann, do VDS, que chegou às 14h43min32. Além de ser o Fita Azul, ele ficou em primeiro lugar na classe Força Livre. Na classe ORC Internacional o vencedor foi o C’est la vie, de Henrique Dias; na RGS o Abaquar, de Kelly Borela e na J-24 o Meu Guri, de André Streppel.

Após a largada os barcos navegaram pela baía do Cristal até a boia amarela perto do Canal de acesso a Estação do Catamarã do Barra Shopping Sul, que era a primeira marca do percurso.

Depois os veleiros foram até a bóia nº 142 do Canal do Cristal, montaram e seguiram até o farolete da Piava contornaram e navegaram, novamente até o Canal de acesso a Estação do Catamarã do Barra Shopping Sul contornaram e por final seguirem até a linha de chegada em frente ao Veleiros do Sul. No final da tarde houve a festa de premiação das regatas de Monotipos e Oceano dos 81 anos com a participação do comodoro Eduardo Ribas, vice-comodoro esportivo Diego Quevedo, Capitão João Gilberto de Oliveira e Carlos Henrique de Lorenzi, Diretor técnico da Fevers. O troféu rotativo do Veleiraço Marinha do Brasil foi para o a tripulação do barco Congere, de Sergio Neumann, que foi o fita azul da regata. Após a entrega dos troféus e medalhas foi servido um coquetel no Salão Social.

No sábado, 12, à noite, a festa de aniversário do Veleiros do Sul foi marcada por descontração e muita energia musical. O ambiente da comemoração teve uma nova proposta ao oferecer as opções de espaços lounge e jantar, salão social térreo e mezanino, para abranger todos os gostos. O evento teve a presença de 290 pessoas entre associados e convidados, entre os quais o vice-prefeito Sebastião Melo e o capitão fluvial de Porto Alegre, João Gilberto de Oliveira.

O Comodoro Eduardo Ribas agradeceu os apoiadores do evento Multiplan, Kaizen RS, Srhi Lanka e Água de Aracanjo e fez um rápido balanço das participações dos velejadores em competições ressaltando que os representantes do Clube estiveram em 14 países em 2015 representando a vela brasileira. Além de premiar os destaques esportivos, o clube também atualizou a sua galeria de placas de bronze para as últimas conquistas internacionais dos velejadores Cícero Hartmann, Flávio Quevedo e André Renard (vice-campeões mundiais de Soling), Geison Mendes e Gustavo Thiesen (tricampeões sul-americanos na classe 470) e estreando na galeria Júlia Silva (campeã no Centro Sul-americano feminino da classe Laser 4.7). Júlia foi convidada a soprar as velas do bolo no parabéns ao Veleiros do Sul.

O Gerente Esportivo do VDS Odécio Carlos Adam, que recebeu das mãos dos ex-comodoros uma placa de agradecimento pelos seus 25 anos nos trabalhos na Comissão de Regatas, organização da vela no Clube e comando dos Projetos Esportivos. Ele foi muito aplaudido pelos presentes no Salão Social. O Comodoro Ribas realizou a entrega dos Destaques Esportivos do Clube que tradicionalmente é feito na festa de aniversário aos velejadores, cuja escolha é baseada nas participações e desempenhos nas competições durante o ano.

Os velejadores agraciados em 2015 foram:

Destaque Oceano: Camiranga, do comandante Eduardo Plass que foi representado pelo tripulante Augusto César Streppel, por ter batido todos os recordes das principais regatas oceânicas desse ano.

Destaque Vela Olímpica: A dupla da classe 470 formada por Geison Mendes Dzioubanov e Gustavo Canal Thiesen, que está em campanha olímpica.

Destaque de Vela e Base Monotipos: Tiago Loch Quevedo, bicampeão brasileiro de Optimist.

Destaque Monotipos: A tripulação do barco Don’t Le Me Down com Cícero Hartmann, Flávio Quevedo e André Renard, tricampeões Sul-americanos da classe Soling.

Revelação Monotipos: Philipp Grochtmann, na classe Laser

Revelação Vela de Base Monotipos: Lucas Stolf, classe Optimist

O aguardado show da noite não deixou ninguém parado no salão social com a banda Tributo a Tim Maia, que liderada por Tonho Crocco tocou os grandes sucessos do “síndico”da Soul Music brasileira e contagiou a todos.

Confira algumas imagens dos eventos:

Foto: Ane Meira Mancio/Ricardo Pedebos

 

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br