Cisne Branco

0
2627

O navio veleiro Cisne Branco, também conhecido como “embaixada flutuante”, empregado em atividades de representação nacional e internacional da Marinha do Brasil, chegou nesta semana a Porto Alegre e está disponível para visitação a partir desta quinta-feira, 21, até domingo, 24. Com 76 metros de comprimento total, o navio possui três níveis de conveses abertos, o castelo (proa), o convés principal (meio navio) e o tombadilho (popa). Com piso todo revestido de teca, é durável e bastante resistente à salinidade da água do mar. Laboram as velas cerca de 18 km de cabos, manobrados manualmente pela tripulação em trabalho de equipe. Estes cabos são cunhados em malaguetas, distribuídas por todo o Navio (são 300 ao todo). As ordens são emanadas para os três mastros por meio de toques de apito. Existem dois guinchos usados para realizar o braceio das três vergas inferiores dos mastros do traquete e grande, conhecidos como guinchos Jarvis. O braceio consiste em posicionar as vergas com um ângulo que vai de um a cinco quartas (cada quarta tem 11° 15’) em relação ao eixo longitudinal do Navio, de maneira tirar o melhor proveito do vento reinante. As demais vergas são braceadas manualmente.

Foto: Reprodução

Assine a revista NÁUTICA: www.shoppingnautica.com.br

Multináutica