Marinha alerta para previsão de ciclone em alto-mar no sudeste do Brasil a partir desta quinta

0
469
Foto: Shutterstock

A Marinha está atenta à previsão de formação de um ciclone com possíveis características subtropicais, a partir desta quinta-feira(23), em alto-mar, entre o Norte do Rio de Janeiro e o Sul do Espírito Santo, com deslocamento inicialmente para Sul. O fenômeno pode afetar, ainda, as condições de tempo e mar entre os estados de Santa Catarina e Bahia.

A situação está sendo monitorada pela Marinha do Brasil por meio de seu Centro de Hidrografia (CHM) e conta com a colaboração de outros órgãos, como o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE) e o Centro Integrado de Meteorologia Aeronáutica da Força Aérea Brasileira (CIMAER/FAB).

LEIA TAMBÉM

De acordo com a Marinha, os ventos podem provocar ondas de direção de Sudeste a Leste e altura entre 3,0 e 4,0 metros em alto-mar, entre o estado de Santa Catarina, ao Norte de Laguna (SC) e o estado do Rio de Janeiro, ao Sul de Arraial do Cabo (RJ), entre a manhã de quinta-feira e sábado (25). Durante esse período, também são esperadas ondas de direção de Nordeste a Norte, variando entre 3,0 e 4,0 metros de altura em alto-mar, entre o estado do Rio de Janeiro, ao Norte de Arraial do Cabo (RJ) e o estado da Bahia, ao Sul de Caravelas (BA).

Receba notícias de NÁUTICA no WhatsApp. Inscreva-se!
Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A nova edição já está disponível nas bancas, no nosso app e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones

Para compartilhar esse conteúdo, por favor use o link da reportagem ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos e vídeos de NÁUTICA estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem nossa autorização (redacao@nautica.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que NÁUTICA faz na qualidade de seu jornalismo.

Schaefer770