Marinha alerta sobre ciclone subtropical que atua e se propaga lentamente pela costa do Brasil

0
2888
Por Herman Junior

O ciclone subtropical que atua e se propaga lentamente pela costa do Brasil ainda poderá se tornar uma tempestade subtropical e, se isso acontecer, será batizado pela Marinha do Brasil com o nome indígena de Potira.

Inscreva-se no canal de NÁUTICA no YouTube e ATIVE as notificações

A depressão subtropical está atuando de forma muito intensa na área Bravo, produzindo mar muito grosso, e isso deverá afetar de forma significativa todo o litoral das áreas Alfa, Charlie e sul da área Delta, ou seja, do Rio Grande do Sul até a divisa do estado do Rio de Janeiro com o Espírito Santo.


A Marinha do Brasil divulgou, já no início da semana, esses avisos de ventos fortes entre terça e quarta-feira, e alerta, também, que poderão haver formação de ondas de até 5 metros próximo à costa entre o Rio Grande do Sul e Norte do Estado do Rio de Janeiro.

Leia também

» Praia na Finlândia fica coberta por ovos de gelo em raro evento climático

» Já há peixes! Vídeo do Rio Pinheiros aumenta expectativas de despoluição

» Versátil, lancha de 36 pés da FS Yachts pode ser usada na prática de wakesurf

Como o centro da depressão está neste momento na área Bravo, a mais ou menos 300 milhas náuticas da costa da região sudeste, os principais efeitos deverão atingir a costa nas primeiras horas da quarta-feira, dia 21, e também segundo a Marinha, permanecer causando ressaca até quinta-feira (22).

Muito importante que essas informações sejam observadas pelos navegadores, pois entradas e saídas de barras e algumas praias menos abrigadas, sofrerão com o swell que deverá atingir com ondas significativamente grandes nossa costa principalmente de SE (sudeste) a E (leste) na área Alfa e de SW (sudoeste) a SE (sudeste) na área Charlie.


Confira mais detalhes em avisos de mau tempo no site da Marinha do Brasil.

Não perca nada! Clique aqui para receber notícias do mundo náutico no seu WhatsApp.

Nx Boats