Bruno Jacob conquista pódio na final do Mundial de Motosurf no Japão

0
1088
Foto: Chris Rauen

Após sofrer uma grave lesão no tornozelo, o piloto radical brasileiro de motosurf freeride, Bruno Jacob voltou a colecionar idas ao pódio: desta vez, o baiano conquistou o 4° lugar na final do Mundial de Motosurf Freeride 2018, no Japão.

Recentemente, Bruno Jacob garantiu a 2ª colocação em um evento no lago mais profundo do mundo, na Sibéria, e tinha como pretensão subir novamente ao pódio com a bandeira brasileira nesta última competição. Como desejado, o atleta realizou mais um feito para honrar seu país no esporte internacional.

LEIA TAMBÉM

>>8ª edição do Lagoa Azul/Vila Galé terá seis competições náuticas entre 15 e 17 de novembro
>>Conheça os campeões do Campeonato Sul-Brasileiro da Classe Laser 2018
>>Brasília sediará Campeonato Brasileiro da Classe Dingue

“O último dia foi muito desafiador pois estava sem ondas. As pequenas que tinham estavam quebrando somente no inside e mais uma vez me superei para conseguir chegar até aqui. Após a lesão estou muito agradecido pelo trabalho em equipe que fizemos. Sinto muitas dores ainda, mas representar meu estado e meu país é sempre um orgulho maior, estou realmente muito feliz”, afirma Bruno Jacob.

Este foi um ano muito intenso e recheado de competições para o atleta. No começo da competição do Mundial, em maio, Bruno esteve na França e em Nazaré, Portugal. Depois foi para o México, em julho. Em setembro, o único brasileiro da disputa enfrentou as ondas da praia Pacific City, Oregon, nos Estados Unidos, e finalizou sua participação no torneio, em Chiba, no Japão, encerrando o Tour 2018 em 5º lugar.

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A edição deste mês já está disponível nas bancas, no nosso app
e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones