Voador

0
1810

Entrevistado na edição 305 de NÁUTICA, que está nas bancas, o brasileiro Lebos Chaguri, piloto da F1H20 Nations Cup — disputada com catamarãs que “voam” a 200 km/h —, obteve um honroso terceiro lugar no Match Race, em Doha, no Qatar, no fim do ano passado.

A conquista teve um sabor especial, já que, em março de 2012, o paulistano de origem libanesa decolou com seu barco, quando forçava uma ultrapassagem na curva e foi fechado por um concorrente. Embora as capotagens não causem espanto nesse esporte — aliás, são bastante comuns —, o Lebos apagou e ficou meses na UTI. O diagnóstico viria em seguida: embolia pulmonar, trombose e coágulo cerebral.

Ele só voltou a competir quase um ano e meio depois. Porém, sem medo algum, como disse na entrevista e mostrou na água. As imagens do clipe feito pelos organizadores da F1H20 Nations Cup, com os melhores momentos do brasileiro na competição, dão ideia da adrenalina que esse esporte proporciona e servem como um registro da volta por cima do nosso campeão.

“Nunca pensei em desistir, pelo contrário! Fiquei contando os dias para poder voltar a correr. Eu sempre falei para meus amigos e familiares, desde o tempo em que corria de motovelocidade: o importante na vida é você fazer o que gosta!” Falou tudo, Lebos…

Clique aqui e confira o vídeo!

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.

COMPARTILHAR
AnteriorCopa Brasil
PróximoEle voa!