Poluição

0
2970

O velejador Ricardo Bimba Winick publicou neste domingo (25), em sua página no Facebook, uma fotografia surpreendente do real estado da futura instalação olímpica para vela. O New York Times fez uma denúncia na semana passada também alertando a dificuldade na Baía de Guanabara. Sujeira, esgoto e objetos descartados fazem parte da realidade do local.  “Triste realidade a dois anos dos Jogos Olímpicos! Imagina passar aí a 50km/h numa prancha de windsurf (classe RS:X) disputando uma medalha!”, publicou o atleta brasileiro.

De acordo com o último comunicado do Comitê Organizador Rio-2016, a disputa da vela nos Jogos será em “água limpa”. Após a repercussão da matéria, o medalhista olímpico Lars Grael veio a público sugerir que as provas de vela em 2016 fossem disputadas em Búzios, ao invés da Marina da Glória. “O local tem ótimas condições de mar e vento para a prática da vela. A maior dificuldade talvez seria o fato de que Búzios não tem marina, porém, a Baía de Guanabara também não. Ou seja, em qualquer um dos lugares teriam que ser feitas obras para isso”, indicou Lars.

Foto: Paulo Oberlander

 

Curta a revista Náutica no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no mundo náutico.