Barcos da Volvo Ocean Race partem para a Europa

0
1802
Foto: Jeremie Lecaudey

A nona etapa da Volvo Ocean Race 2017-18 teve início neste domingo (20) para um percurso de 3.300 milhas náuticas entre Newport (Estados Unidos) e Cardiff (Reino Unido). A perna transatlântica terá pontuação dobrada e marca o retorno definitivo ao Velho Continente. Depois restam apenas mais duas provas para definir o campeão.

A saída do tradicional local de regatas nos Estados Unidos ocorreu com tempo ruim, nevoeiro e frio. Newport e seu público recorde deram adeus à flotilha com o Team Brunel na frente. A partir de agora cada manobra vale muito, principalmente pela pontuação extra!

“Sabemos que temos de vencer os barcos vermelhos”, disse o comandante do Team Brunel, Bouwe Bekking, em clara referência aos líderes do campeonato, que são MAPFRE e Dongfeng Race Team.

“A ideia seria ganhar a regata e torcer para eles ficarem em sexto e sétimo lugares, mas não podemos controlar isso”.

Os espanhóis do MAPFRE assumiram a liderança depois da vitória improvável da etapa entre Itajaí (SC) e Newport. “Neste momento temos três pontos de frente sobre o Dongfeng. Eu acho que não devemos ser muito gananciosos, apenas estar na frente deles”, disse Pablo Arrarte, do MAPFRE.

A previsão para a perna é complexa, com vários sistemas meteorológicos em jogo, bem como a Corrente do Golfo. A duração esperada será de oito a nove dias.

Classificação geral da Volvo Ocean Race 

1- MAPFRE – 53 pontos
2- Dongfeng Race Team – 50 pontos
3- Team Brunel – 42 pontos
4- team AkzoNobel – 36 pontos
5- Vestas 11th Hour Racing – 28 pontos
6- Sun Hung Kai / Scallywag – 27 pontos
7- Turn the Tide on Plastic – 22 pontos

Quer conferir mais conteúdo de NÁUTICA?
A edição deste mês já está disponível nas bancas, no nosso app
e também na Loja Virtual. Baixe agora!
App Revista Náutica
Loja Virtual
Disponível para tablets e smartphones